NEWS 05.05.2011
 "Na matemática do amor, um mais um é igual a um."
BRASÍLIA. O Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu ontem,  por volta das 19:10 h, o julgamento conjunto da ADI nº 4277 e da ADPF nº 132. A primeira, de caráter mais amplo, visa o reconhecimento da união homoafetiva como entidade familiar e os direitos civis daí proveninentes. A segunda é aquela do governo do Rio de Janeiro que pede à suprema corte o reconhecimento das uniões homoafetivas para que o Estado possa aplicar aos servidores civis os mesmos benefícios garantidos aos casais heteroafetivos. O relator, ministro Ayres Britto, leu e discutiu o seu voto por aproximadamente duas horas após o plenário ter ouvido a fala de nove advogados de entidades que participaram do julgamento como amicus curiae - do latim significa amigos da corte e são pessoas, entidades ou órgãos que se envolvem como terceiros, que não os litigantes, com interesses contrários ou favoráveis aos das partes envolvidas numa questão jurídica.
Ayres Britto defendeu lindamente a união entre pessoas do mesmo sexo, condenou o preconceito contra os gays, dizendo, entre outras coisas, que o sexo não pode ser usado como forma de tornar as pessoas desiguais perante o Estado e que a conduta dos casais homoafetivos não é ilegal e deve ser reconhecida: ...na matemática do amor, um mais um é igual a um, exemplificou o ministro durante o seu pronunciamento, citando o filósofo, escritor e crítico francês Jean-Paul Sartre.
Faltam ainda os votos dos nove outros ministros, com exceção do ministro Dias Toffoli que se declarou impedido porque se pronunciara publica e favoravelmente sobre o assunto enquanto era ocupante do cargo de advogado-geral da União. Na ocasião, Toffoli destacou em seu parecer que o "tratamento diferenciado entre as entidades familiares e as uniões homoafetivas não apresenta justificativa plausível sob a ótica do princípio da igualdade".
Por volta das 14 h de hoje o plenário dará continuidade aos votos.
Leia a íntegra do voto do ministro e relator Ayres Britto, aqui.
Assista/ouça ao vivo o julgamento a partir das 14 h. Escolha um dos canais na lista abaixo.



NEWS 06.05.2011
FASHION RIO/2011. O desfile mais aguardado da próxima edição do Fashion Rio é, sem dúvida, o da 'Ausländer', no qual desfilará o modelo Rick Genest (fotos /divulgação).
Mais conhecido como 'Zombie Boy', ele divulgou na internet, durante quatro anos, fotos de seu corpo todo tatuado com desenhos que lembram o esqueleto humano e acabou convidado por nada menos que Lady Gaga para participar do clipe de uma versão remixada da música 'Scheiße' e da música "Born This Way".
Logo depois foi convidado para estrelar a campanha da 'Mugler', de Nicola Formichetti (vídeo abaixo).
O Fashion Rio acontecerá entre os dias 30 de maio e 4 de junho, terá como tema as musas brasileiras e apresentará as coleções para o verão 2011-2012. 
AUSTLIA. A polícia de Sydney prendeu um ex-soldado australiano, de 32 anos, acusado de fomentar a homofobia através de uma página do "Facebook" - já extraída da rede social - com o pseudônimo de 'Steven Austin'. O alvo era quatro oficiais do serviço da força de defesa que seriam gays: o major e psicólogo do exército, Paul Morgan (foto), dois membros da base de comando 2RAR-Sydney e mais um soldado, os quais tiveram seus nomes expostos durante o período em que o perfil ficou no ar. Foi revelado que a página continha vídeos extremamente violentos mostrando execuções de homossexuais e outros soldados que supostamente faziam parte de uma campanha de mídia social concebida para expor e intimidar servidores gays. 
Ao Major Morgan também foi enviado um e-mail gráfico com a seguinte declaração - que a polícia deduz ter sio enviado pelo ex-soldado preso: eu vou cortar a sua carcaça gay em 100 pedaços e alimentar os peixes da 'Botany Bay. Sai de retro. (Fonte: "smh.com.au")
E.U.A. Documentário sobre a trajetória de Chaz Bono, 42, transexual e filho da cantora Cher, tem estréia prevista pra o próximo dia 10 de maio na tevê americana . "Becoming Chaz" ('Tornando-se Chaz) mostrará Bono desde quando era uma pequena e 'fofutcha' garotinha loira até depois da cirurgia de troca de sexo que o transformou num homem, passando pelos depoimentos de membros da família, da namorada, Jannifer Elia, e de amigos, como a 'drag queen' mais famosa do mundo, RuPaul.  O filme será mostrado o canal Oprah Winfrey Network - OWN e foi selecionado pelo Festival de Sundance 2011.
Ele tem todo o meu amor e o meu apoio, teria declarado Cher sobre o filho logo após assistir e aplaudir o documentário em casa com amigos e familiares.
Trailer do documentário e trajetória de Chaz, aqui e aqui (em inglês).




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.