Clique para ampliar (reuters/Mark Blinch)
O IdG não poderia deixar de divulgar essa notícia já que incentivou a permanência, em mesmo cativeiro, do casal de pinguins gays do zoológico de Toronto (aqui).
Eles irão se separar de fato, porém, segundo notícia do site R7, a decisão comoveu e não agradou à comunidade gay nem aos veterinários. 
Os administradores do zoo os unirão novamente, mas após os dois cumprirem o dever para o qual foram levados do zoo dos E.U.A. ao do Canadá: acasalarem com as fêmeas e darem continuidade à espécie [tadinhos, que sacrifício!].
Isso somete acontecerá na próxima primavera canadense de 2012 que coincide com o nosso outono, entre março e junho de 2012.
Tifofo.

4 comentários:

  1. será q eles vão qrer acasalar?

    ResponderExcluir
  2. Esse é o problema , será que vão suportar essa separação temporária?

    ResponderExcluir
  3. Moral da história: para a sociedade em geral, depois que vc tiver filhotes com uma fêmea qualquer, pode ser gay a vontade.

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.