Como sempre, países desenvolvidos e sérios precisam realizar trabalhos de responsabilidade social para que os nem tão sérios assim, como o Brasil, possam, após uma década de atraso mais ou menos, copiarem e aplicarem.
Canadá é o primeiro País norte-americano a financiar uma cadeira de pesquisa dedicada ao estudo da homofobia.
A pesquisa realizada pela Université de Quebéc, em Montréal,  espera quantificar os efeitos da homofobia na comunidade LGBT e informar o debate público à justiça e à policia.
O governo do Quebéc doou 475 mil dólares canadenses (CAD), cerca de 452 mil dólares americanos ou 863 mil reais (conversão de hoje), para o programa universitário de língua francesa, lançado em uma cerimônia presenciada por Jean Charest, o premier de Quebec (o penúltimo na foto acima).
O Ministro da Justiça, Jean-Marc Fournier (o último na foto), veja só, compareceu em pessoa. O seu ministério se responsabiliza pela luta contra a homofobia e ele disse à imprensa canadense: As estatísticas mais recentes pintam um quadro alarmante. As pessoas homossexuais têm quase três vezes mais probabilidade de se tornarem vítimas de crime violento do que os heterossexuais. (os grifos são meus, tá?)
Para os próximos cinco anos, o governo canadense já destinou um orçamento de 7,1 milhões de dólares (CAD) para projetos que visem combater a homofobia.
O anúncio foi feito no "Écomusée du Fier Monde", em Montréal, num encontro que reuniu pessoas LGBT, pesquisadores, acadêmicos e representantes do governo. Todos envolvidos na luta contra a homofobia.
Line Chamberland, professora do departamento de sexologia da universidade (foto), primeira a assumir o cargo, disse: Alguns prestadores de serviços poderão dizer que não existem gays ou lésbicas aqui. Temos documentos que comprovam que eles estão e que enfrentam problemas. Quanto melhor você entender o efeito da homofobia, melhor será para convencer as pessoas.
Confesso a vocês que fico um pouco mais confortável por saber que ainda restam políticos e países íntegros nesse mundo. Não é somente porque o tema da pesquisa é a homofobia. O Canadá é um País muito sério. Quem acompanha o blog sabe que morei um tempo lá.
Essa matéria foi encontrada no site PinkNews.

3 comentários:

  1. isto me lembra o Brasil ... eles não são nem um pouco originais ... tudo copiado de nosso país ... OMG!

    bjão

    ResponderExcluir
  2. tão orgulhoso de ser brasileiro, #Not

    ResponderExcluir
  3. Ou seja?? Daqui a 20 anos teremos o início de um movimento de algo parecido por aqui e em mais 20 começarão os esforços para se implantar alguma coisa... Vida digna? Acho que nem meus netos terão...

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.