Campos Salles - 4o presidente da república.Campos Salles - 4o presidente do Brasil - 57 anos

O Brasil para de trabalhar nessa data para comemorar a proclamação da República liderada pelo marechal Deodoro da Fonseca em 1889.

Fonseca não queria a república porque era monarquista, mas fora convencido pelo republicanos fervorosos. Eles o queriam na  liderança do movimento revolucionário para acabar com a monarquia.
Como os republicanos o convenceram? Boatos!

Boatos foram espalhados para por fim na admiração do marechal a D. Pedro II, dentre os quais uma prisão que o então imperador haveria ordenado contra ele e a indicação de Gaspar Silveira Martins [inimigo político de Deodoro], por Pedro II, para a chefiar o governo ocupado pelo Visconde de Ouro Preto - expulso à força pelos republicanos em 14 de novembro.

Foi o bastante para Deodoro perder aquele apego à monarquia, ao imperador e concordasse, enfim, com o golpe [sim, um ato ardiloso e até ilegal].

Nada mal para quem venerava a monarquia, mas que não tinha chances para um dia ser rei. Deodoro da Fonseca se tornou em 15 de novembro de 1889 o primeiro presidente da então República dos Estados Unidos do Brasil e chefe do governo provisório.

Percebe-se que os boatos eram uma das grandes armas utilizadas em guerras políticas - a tática, sabemos, persiste atualmente. Dilma que o diga com os seus famosos dossiês.

Para finalizar, um dos sete ministros nomeados para compor o governo provisório de Deodoro foi Campos Salles. Ele ficou com o Ministério da Justiça e nove anos mais tarde se tornou o quarto presidente do Brasil - de longe, o mais bonito de sua época; fazia o estilo Antônio Fagundes.

Além desse predicado, foi ele enquanto ministro da Justiça quem promoveu a instituição do casamento civil no Brasil promulgado pelo então chefe de governo provisório, Deodoro da Fonseca, através do Decreto nº 181, de 24/01/1890.

Graças a Campos Salles, desde então, os héteros brasileiros se casam e os gays podem ser incluídos nesse direito mais de um século depois.

11 comentários:

  1. Nunca beijei um cara de bigode.Só de pensar,me dá afliçao.kkkkkkkk.
    Beijos,Ju.

    PS: Há boatos que brevemente veremos fotos em sungas de vc.kkkk.

    ResponderExcluir
  2. Que se pode esperar de uma república (mais uma) que teve origem em boatos, mentiras e traição?
    Acho que a resposta é dada pela actual realidade do país.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. (KKKKK))
    Foxx: é porque vc não viu os outros. Em comparação, Salles é gatíssimo.
    Rindo muito aqui...

    ResponderExcluir
  4. já dizia minha avó! em terra de cego quem tem um olho é rei ... rs

    como assim? Fotos do Junnior de sunga? foi com boatos q a república foi proclamada ... correndo ao armário para pegar meus sais ...

    rs

    bjão

    ResponderExcluir
  5. ah! para o Lobinho!

    O Elian, a marida, qdo casou comigo, usava um bigodão a la Pancho Villa ... nunca reclamei ... kkkk

    ResponderExcluir
  6. Nossa! Eu fico uma semana sem aparecer por aqui e sou surpreendido com duas coisas: A 1ª é a "pegadinha do mallandro" a beleza do ilustríssimo da foto... e a 2ª e mais importante: O JUNNIOR DE SUNGA? QUANDO? NÃO QUERO PERDER JAMAIS! Vou fazer o mesmo que o Bratz... vou pegar meus sais também. Bjos querido.

    ResponderExcluir
  7. Rindo muito dos coments.

    Ju,semana que vem,mas te envio um e-mail.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. querido Junior...

    então, aquele post do Trompe L'oieil aconteceu em um domingo, o segundo encontro só aconteceu uma semana depois, entre um e outro eu estava pensando em o que significa a coisa da autoestima que muita gente sempre me acusou, foi uma questionamento meu não relacionado a algo que aconteceu, só parei pra pensar nos comentários que recebo e que sempre me acusam de baixa autoestima, exatamente como eu peguei um kra hiper-gostoso, isso me despertou esse questionamento, sabe? mas não se preocupe, na sexta publico o segundo encontro.

    ResponderExcluir
  9. Gatos? Onde?
    Só se for quando sair a comentada foto de sunga (mas do século XXI, porfa).

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.