O processo da cura começa quando você reconhece a existência do problema, não é?

É tolice criar obstáculo para expressar algo que se sente, mas é estranho sentir.

Sou totalmente incapaz de gerenciar sozinho a minha própria vida.
Me fizeram acreditar que eu não merecia o amor.

Acho que é por isso que sofro tanto. Por isso essa dor é tão querida. Me castigo com ela.

Não havia ninguém em casa, nunca há. Comi o caldo de feijão com torresmos e cebolinha, completo, mas sozinho.

Não há presença. Ele não está aqui.

Estamos sozinhos porque ninguém quer estar conosco.

Cortar os pulsos seria uma boa saída agora.

Vou para debaixo da água e espero encarecidamente que ela lave a minha alma. Tentar achar que não é assim tão mal. Exercito a paciência. Guardo os pulsos pro final. Saída de emergência.

Tenho sido muito injusto comigo. Reclamo e sofro tanto por estar sozinho... Tolices de um orgulhoso leonino.

Não sou o culpado de nada. Culpados são os outros...

Acho-me bonito, gostoso, inteligente, inclusive sou muitas vezes acusado de não ser modesto. Ou seja, eu não tenho nenhum problema de amor-próprio.

Ó, me resta, sem culpar a mim mesmo, sorrir e me levantar.

__________________________________
[Trechos extraídos (e adaptados) de diferentes postagens do blog "Estórias do Mundo". Os desenhos (também adaptados) são de mesma autoria, aqui]

Alguém precisa publicar esse livro. Fica a dica.

8 comentários:

  1. Uma grande homenagem do querido Junnior ao querido Foxx ... aplausos aos dois ...

    ResponderExcluir
  2. gente...
    que honra!
    obrigado, junnior.
    vc é um fofo!
    obrigado mesmo!

    =)

    ResponderExcluir
  3. Linda homenagem, realmente. Parabéns aos dois. Ao Junnior, pela sensibilidade e pela beleza do gesto. Ao Foxx, por poder saber que é mais amado do que poderia imaginar.

    Abraços aos dois.

    ResponderExcluir
  4. Nossa raposa tão amada... Junnior, parabéns pela postagem. Foxx, parabéns, por ser quem vc é!

    ResponderExcluir
  5. Linda homenagem.
    Parabéns a ambos.

    A arte só é mesmo arte quando toca o outro!

    Ambos fizeram, arte!

    ResponderExcluir
  6. Acho esses desenhos do Foxx sensacionais!
    E é incrível como ele consegue se reproduzir tão bem.
    Qualquer dia vou cobrar dele um retrato meu. rsrs

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.