A editora norte-americana DC Comics, subsidiária da Time Warner, detém a propriedade intelectual dos super-heróis mais famosos do mundo, dentre os quais: Super-Homem, Batman e Robin, Mulher-Maravilha e Lanterna Verde. Todos heterossexuais, certo? Errado.
O Lanterna Verde acaba de sair do armário com todo o apoio dos patrões. Para tanto, ganhará a segunda edição da revista Earth 2 a qual será lançada na próxima quarta-feira. Já se sabe que o alter ego de Allan Scott se encontrará no Japão com o seu namorado, Sam, onde os dois terão um encontro mágico (leia abaixo). 
A especulação sobre a homossexualidade de um dos mais famosos personagens dos quadrinhos já estava circulando na mídia há algum tempo e o momento da revelação foi algo estudado pela DC Comics, assim como o suspense gerado. Entretanto, o tiro midiático pode ter saído pela culatra quando a sua principal e histórica rival, a Marvel Comics, divulgou dias antes (um golpe de mestre?),  o pedido de casamento do super-herói Northstar a seu namorado, Kyle Jinadu, na revista Astonishing X-Men no dia 23 de maio (aqui).
Sobre isso, é bom esclarecer que, de modo diferente do que foi publicado pelo Identidade G naquela postagem, o casamento de Northstar ainda não foi realizado, mas somente o pedido para o seu agora noivo. A previsão da editora para a edição que exibirá a cerimônia e/ou a festa é 20 de junho.
Será que Lanterna Verde comparecerá ao casamento de Northstar? 

8 comentários:

  1. Já estava na hora,né?

    Essa semana, estava vendo um episódio de Batman no Youtube. Não sabia que o nome do Robin era Dick. kkkkkk.

    Beijos, Ju.

    ResponderExcluir
  2. Que bonitinho os dois! (kkkkk). Se a onda pegar, vão haver mais heróis saindo do armário.

    Beijos, meu lindo.

    PS: Lobinho... até eu que entendo nada de HQ sabia o nome do Robin! Que coisa, heim! (kkkkk)

    ResponderExcluir
  3. Curioso que acabei de ler a postagem sobre o Nothstar... hahahahah
    Muito legal isso... Agora é só esperarmos o filme "Lanterna Verde II" para ver o bonitão do Ryan Reynolds beijando outro homem na telinha do cinema... é isso, produção? Acho que ainda não, né? rsrsrsrsrsrs

    Abraços, amigo!

    Até...

    ResponderExcluir
  4. Vou ser do contra, rsrs!

    Então... não achei legal a saída de armário do Lanterna Verde (LV). Primeiro, pois soou como uma jogada de marketing, competição com a Marvel. Segundo, pois o LV já é um personagem de longa data e nenhuma de suas inúmeras versões apresentou indícios de que era gay... Se fosse para escolher alguém, o mais lógico (e óbvio) seria o Batman, hahaha!

    Acredito que tenha faltado criatividade dos autores... poderiam muito bem criar um novo herói, tão cativante quanto os atuais, misturando todas as descobertas de um gay comum. Isso sim, seria muito interessante e diferente!

    Abraços!
    PS: Junnior, desculpe a correção, mas a editora é "DC Comics"!

    ResponderExcluir
  5. Peter e Julio:
    Peter, não tem do que se desculpar. Acho chique alguém se pronunciar sobre qualquer equívoco gerado nesse blog.
    Quanto à parte do super-herói que saiu do armário, os editores da DC esclareceram que não se trata do mesmo personagem Lanterna Verde nascido em 1940 (acho), aquele mulherengo interpretado pelo Reynolds no cinema em 2011 (rs). Segundo eles, é outro. O novo Lanterna Verde aparecerá apenas nessa nova revista ('Earth 2'). Disseram até que está previsto um encontro com os dois 'Verdes'.
    Enfim, há mais detalhes sobre isso, mas achei confusa e desnecessária essa parte e resolvi omiti-la na postagem.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Pois eu acho que foi meio forçado o Lanterna Verde ser gay. O que o Peter falou dele nunca ter dado indícios de ser gay (inclusive sendo "mulherengo") e depois aparecer como gay, meio que descaracteriza o personagem original e pode gerar repercussões negativas, mais que positivas.

    Qual o medo de colocar o Batman como gay (já que seria algo mais natural - de certa forma, esperado)??? Não existe na construção original do personagem tanta incompatibilidade com a questão de ser gay quanto existe no caso do Lanterna Verde. Sinceramente, jogada de Marketing muito mal pensada e que pode ser um desserviço, ao invés de ser um avanço.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Na verdade há vários Lanternas verdes
    o personagem do ryan é o Hal Jorden, ha varios outros como o John Stewart,Guy Gardner. Este Green Lantern Gay, é o primeiro lanterna verde humano.

    ResponderExcluir
  8. Anônimo, obrigado pelo esclarecimento.

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.