“O Rio é uma cidade diversa. Tenho desprezo por quem tem ódio. Tenho horror a esses ódios. A pessoa pode ter a religião dela, ser evangélico, crente, orar o dia inteiro, e o outro pode ser gay. O que um tem a ver com a vida do outro? Sou a favor da liberdade, da diversidade.”
[Eduardo Paes, atual prefeito do Rio de Janeiro e candidato a reeleição pelo PMDB, à revista Veja no início de setembro de 2012]

Garotinho pai, Garotinho filha e Rodrigo Maia.
"O prefeito vai à passeata gay, apoia a formação da família gay, usa dinheiro público vendendo o Rio como capital mundial do turismo gay e, depois, vai às igrejas evangélicas e diz ‘Glória a Deus, Aleluia’. Isso é fingimento e hipocrisia. A quem Eduardo Paes quer enganar? Ele quer enganar ao eleitor”.
[Anthony Garotinho, em horário eleitoral gratuito da tevê, na tentativa de opor os eleitores evangélicos e os homossexuais e atrair os primeiros à candidatura de Rodrigo Maia e Clarissa Garotinho (DEM), prefeito e vice, respectivamente. Sexta-feira, 14.09.2012]

"Na última sexta feira, ficou claro que nós dois sempre seremos de lados opostos nesta vida. Eu acredito na igualdade e no direito universal das pessoas de serem respeitadas. O senhor não acredita numa vida de igualdade. O senhor deixa claro que tem outra posição sobre gays, lésbicas, travestis e transexuais".
Marcelo Garcia, ex-secretário de Assistência Social da administração Cesar Maia, ao abandonar a campanha e coordenadoria do programa de governo de Rodrigo Maia, em represália à declaração de Anthony Garotinho na tevê, a qual chamou de "oportunismo político".


Um comentário:

  1. ainda existem pessoas dignas para se contraporem a esta corja de bandidos ... graças ...

    bjão

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.