Ainda ontem falávamos de Tim Cook, como atual CEO da Apple e um dos mais importantes executivos do planeta que assumiu a homossexualidade (aqui).

Apple publicou em 05/10/2012, um vídeo emocionante que lembra a trajetória de Steve Jobs. Um minuto e 45 segundos se passam com fotos em preto e branco enquanto trechos da história de Jobs são relembrados.

Ao término, uma pequena e comovente carta de Cook traduz a importância do ex-CEO pela maneira como as pessoas se relacionam hoje por meio da tecnologia.

A carta afirma que a morte de Jobs foi uma difícil perda para todos da empresa, mas ressalta que todos estão orgulhosos do trabalho que a companhia vem fazendo desde que Jobs se afastou da liderança da Apple.

Ao final, pede para que as pessoas reflitam sobre a vida extraordinária de Steve Jobs e como ele ajudou a transformar o mundo num lugar melhor.
Está no DNA da Apple que a tecnologia sozinha não é suficiente - a tecnologia casada com as artes liberais e com a humanidade é capaz de fazer com que nosso coração cante e em nenhum lugar isso é mais verdadeiro do que nesses dispositivos pós-PC", disse o gênio durante o lançamento do iPad 2, em março de 2011. Olha para o futuro e garante que a maçã estará sempre pensando em novos produtos para continuar a encantar o público. E isso é um maravilhoso tributo para a memória de Steve e tudo o que ele acreditava.
Steve Jobs faleceu no dia 5 de outubro de 2011, aos 56 anos de idade, depois de perder a batalha contra um câncer no pâncreas, diagnosticado em 2003. Ele, Steve Wozniack e Ronald Wayne fundaram a Apple em 1976. A empresa é hoje a maior do planeta em valor de mercado.

Veja abaixo o vídeo da Apple.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.