O programa Fantástico, da Rede Globo, apresentou neste domingo, 09 de dezembro, reportagem sobre a vida do ativista Beto Volpe. Um dos fundadores e coordenador do grupo Hipupiara, de São Vicente, Beto vive com HIV e aids há 23 anos. 
A reportagem destacou ainda como a chegada do coquetel de medicamentos antirretrovirais ao Brasil mudou a história da doença, permitindo às pessoas infectadas uma vida com mais qualidade. Pelo governo falou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, que chamou a atenção para a vulnerabilidade dos jovens gays e a importância de se usar o preservativo. 
Assista aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.