Arpad Miklos, um dos atores mais conhecidos e de maior destaque do cinema adulto - atuou em mais de 55 filmes -  foi encontrado morto em seu apartamento em Nova York.

Suspeita-se que ele tirou a própria vida no último domingo (03/02/2013). Quem confirmou a morte foi seu amigo, o escritor Randal Lynch, em entrevista ao "The Howard Bragman Show", programa de noticiários da internet transmitido pelo YouTube.


Arpad foi descoberto na Hungria por Kristen Bjorn quando trabalhava como químico. De uns anos pra cá, ele transitava em projetos além do cinema pornô, como a participação no clipe da música 'Hood', do cantor Mike Adreas (assista abaixo). O vídeo foi exibido há um ano pelo Identidade G na postagem "Arpad Miklos em clipe do cantor Mike Hadreas".

Arpad Miklos tinha 45 anos.


7 comentários:

  1. O que????? Não acredito nisso...

    ResponderExcluir
  2. Ainda é difícil de acreditar que um exemplo de homem com perfeição em beleza e humildade tenha deixado tantos homens órfãos de ver sua beleza desfilando pelas revistas e filmes.
    è difícil acreditar que um Homem que servia como exemplo para todo os outros homem de como ser um verdadeiro homem tenha partido sem aviso.
    Uma perda para o mundo gay irreparável . Um homem que fazia a diferença.
    Estou muito triste,meu coração esta muito triste decepcionado e sem rumo .
    Meu sinceros pêsames pra quem teve o orgulho e a sorte grande de conhece-lo.

    ResponderExcluir
  3. que triste!!! ele pediu socorro,mas ninguém viu!!! Ele era um dos melhores atores q já vi nesse mundo pornô. Me pergunto que dor gigantesca ele sentia pra chegar a esse ponto de tirar a própria vida!!! Abraço e bj, ADEUS ARPAD!!!!

    ResponderExcluir
  4. UMA GRANDE PERDA PARA NÓS QUE CULTUAMOS A MASCULINIDADE E A BELEZA DE UM HOMEM DE VERDADE.
    ELE ERA UM BOM EXEMPLO DE QUE GAYS PODEM SER MÁSCULOS E VIRIS!
    QUE ELE ENCONTRE A PAZ!

    ResponderExcluir
  5. Muito triste, muito mesmo...
    Ele já me deu muito prazer, mas agora sentirei apenas tristeza...

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.