A Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual da prefeitura do Rio de Janeiro ("CEDS") faz um apelo aos cidadãos e cidadãs que estavam presentes na madrugada de domingo para segunda-feira na Boate Queen, bairro Taquara, zona oeste do Rio, onde ocorreu o espancamento do cabeleireiro Luiz Antônio de Jesus, 49 anos. Jesus faleceu na tarde da última terça-feira (28/05), no Hospital Municipal Lourenço Jorge,  Barra da Tijuca.

Carlos Tufvesson, coordenador,  publicou a seguinte nota: 
Peço às pessoas de bem, que estavam na boate Queen na noite de domingo para segunda-feira e tenham visto o que ocorreu com Luiz Antônio de Jesus, ligarem para a CEDS e denunciar. O sigilo será mantido. Esse crime bárbaro não pode ficar impune. Temos que averiguar o que de fato aconteceu para punirmos os verdadeiros culpados desse absurdo (implora). 
Telefones da CEDS: (21) 2976.9137 / 9138 / 9150. 
Telefone do Disque Denúncia: (21)2253.1177.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.