O deputado esteve no programa SuperPop ontem (17) e deu aula de cidadania 

É fato a inteligência de Wyllys. Além do intelecto cognitivo, o parlamentar tem a inteligência social e emocional que o possibilita sobreviver às investidas do cotidiano, vindas da mídia, desafetos profissionais ou pessoais e dos cidadãos que ainda não compreendem a sua luta na garantia de direitos às minorias.

Na questão dos evangélicos, o deputado federal esclarece que não há preconceito dos dois lados, pois tem amigos e familiares praticantes da religião, ele faz críticas aos que não aceitam os direitos das minorias.

No tocante à homofobia, segue o trecho transcrito para a percepção da importância do reconhecimento da criminalização da homofobia.
Todos nós estamos sujeitos à violência urbana -- sequestro, roubo, latrocínio, bala perdida, etc. Porém, há um tipo de violência que somente os homossexuais sofrem.
[Blog: basta um homofóbico ativo reconhecer um homossexual na rua ou em algum lugar público para praticar no mínimo uma ação criminosa, a qual pode se desdobrar em ofensas verbais (difamação e/ou injúria), lesão corporal (leve, grave ou gravíssima), tentativa ou prática de homicídio]

O vídeo abaixo é parte da entrevista (pouco mais de 13 minutos). 



Assista ao programa na íntegra aqui.

2 comentários:

  1. Esse cara é muito bom, por isso foi reeleito.
    Abraço

    ResponderExcluir
  2. #fato .... um parlamentar de destaque no meio de tanta merda ...

    beijão querido

    ResponderExcluir

Para se cadastrar, preencha o formulário na coluna do lado direito do blog.
Seu comentário é bem vindo, desde que:
1. possua nome e link válidos;
2. não contenha cunho racista, discriminatório ou ofensivo a pessoa, grupo de pessoas ou instituições;
3. não contenha cunho de natureza comercial ou propaganda.
Grato pela compreensão.